Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lost In Wonderland

"Who in the world am I? Ah, that's the great puzzle." — Lewis Carroll

Lost In Wonderland

"Who in the world am I? Ah, that's the great puzzle." — Lewis Carroll

30
Dez16

Resolução para 2017

 É dia trinta de dezembro e eu só dou por mim a pensar no quão rápido o tempo passou. Parece que foi ontem que eu ouvi a contagem decrescente para dois mil e dezasseis e eu, super mal diposta, sem vontade nenhuma de ali estar, porque estava com a cabeça num estado miserável. Não era dores, no entanto. Eram os pensamentos.

Não sei porque me sentia tão negativa na entrada no novo ano. Não faço ideia. E nem me lembro ao certo o que me passava pela cabeça. Eu, simplesmente, não estava com disposição. Se calhar, não queria que dois mil e quinze acabasse. Eu não sei. Mas também já não quero realmente saber.

Vem aí dois mil e dezassete e, em vez de eu pedir um desejo a cada M&M (porque eu não gosto de passas e eu sei bem que não sou a única a fazer isto!), eu vou simplesmente ter uma resolução.

Ser feliz.

Pode parecer cliché e, se calhar, até é. Mas compreendam o meu ponto de vista: porque haveremos de pedir doze desejos, se nem sequer sabemos se todos eles se irão realizar? Estamos a determinar que seremos felizes pela concretização de desejos, e não deveria ser assim.

Ser feliz pode ser geral, mas tem tantos significados. A felicidade está nas pequenas coisas do dia a dia. Está em nos sentirmos bem connosco e com os outros.

Por isso, sim. O meu desejo, a minha resolução, é ser feliz. Sei que 2017 terá bons momentos e eu estou absolutamente pronta para os receber e guardar na memória.

2017 vai ser um bom ano. Só temos que acreditar nisso.

4 comentários

Comentar post